Energia Solar

Inglaterra ao Vaticano: Construções históricas aderem à energia solar

Construções históricas aderem à fonte fotovoltaica para reduzir custos e atingir o Net Zero, é o compromisso de reduzir as emissões de gases de efeito estufa na atmosfera. Todo o teto do Nervi Hall, onde acontece a maioria das apresentações do Vaticano, foi coberto por placas fotovoltaicas para prover energia.
São cercas de 2.400 placas nos 5 mil metros quadrados de área, o novo sistema gera aproximadamente 300 megawatts por hora de energia limpa e possibilitará a economia de cerca de 225 toneladas de gás carbônico na atmosfera e 80 toneladas de óleo por ano. 
Em breve, serão instalados painéis solares no telhado da York Minster, no norte da Inglaterra, aos crescentes projetos de lei e preocupações climáticas. Os 200 painéis fotovoltaicos gerarão 75.000 kwh de energia anualmente, o suficiente para cerca de 25 residencias média do Reino Unido.

Os painéis solares serão discretamente colocados no telhado no Corredor sul Quire e qualquer energia excedente gerada será armazenada em baterias subterrâneas e usadas para alimentar os serviços e eventos noturno da catedral. 
Que outros locais históricos na Europa têm painéis solares?

Fora do Reino Unido, a antiga cidade de Pompeia, no sul da Itália, recorreu aos painéis solares na Casa de vetti como medida de redução de carbono e de custos. 
O Vaticano, vem gerando energia solar desde 2008, os painéis estão instalados no telhado da Sala de Audiências Paulo VI e produzem 300.000 Kwh de energia solar todos os anos. A energia produzida é inteiramente na rede interna do Vaticano e cobre totalmente a energia para iluminação e ar condicionado. 
Benefícios da Energia Solar
A Energia Solar é uma alternativa sustentável e benéfica a todos, desde pequeno, médio e até os maiores consumidores de energia. Essa é a fonte de energia mais barata do mundo, já que é gerada a partir de uma fonte gratuita e inesgotável, a qual é a luz solar. Mas para que isso aconteça, os painéis solares precisam captar a luz do sol e converter em energia elétrica, podendo reduzir em até 95% os gastos com eletricidade.
Esse sistema é totalmente limpo, sustentável, renovável e provém de um processo totalmente silencioso, que também reduz as taxas de carbono produzidas por outros tipos de produção de energia, além de ser de fácil manutenção, que pode ser feita apenas uma vez por ano. 
Esse tipo de energia não emite nenhum tipo de gás poluente na atmosfera, garante economia de água, não polui o ar, ou seja, seu impacto é quase inexistente, o que consequentemente não afeta a mudança climática.
Gostou do conteúdo?
Acompanhe nosso blog e fique por dentro de todas as novidades e curiosidades sobre a Dicomp e outras áreas da tecnologia.
Se você quiser saber mais sobre nossas soluções, entre em contato com um de nossos consultores através do número (44) 4009-2826, ou cadastre-se em nosso site.
Conheça mais sobre a Dicomp, nos acompanhe nas redes sociais no LinkedIn, Facebook e Instagram.

Deixe uma resposta